Feed aggregator

Exames para mulheres

Exames Femininos˜

para infertilidade

A fertilidade de uma mulher declina com a idade. Isso significa que as chances de engravidar, ambas naturalmente ou através de tratamento de fertilidade, caem conforme você envelhece. Seu clínico geral deve dar mais informações sobre isso.

Seu ginecologista deve perguntar qual a frequência e quão regular é a sua menstruação. Se você tem menstruações mensais regulares (a cada 26 a 36 dias), é provável que você esteja ovulando. Você não será aconselhada a usar tabelas da sua temperatura corporal (conhecida como temperatura corporal basal) para verificar se você está ovulando normalmente, já que não são um teste confiável para isso.

Verificando os seus níveis hormonais

Você deve realizar exames de sangue para verificar seus níveis hormonais para ver se você está ovulando. Estes devem incluir um exame para medir um hormônio chamado progesterona, que é produzido pelos ovários depois que os óvulos são liberados. O momento do exame variará dependendo do quão regular são as suas menstruações.

Se as suas menstruações são irregulares, você deve realizar também um exame para medir hormônios chamados gonadotrofinas, que estimulam os ovários a produzirem óvulos.

Verificando seus ovários

Você também deverá realizar exames para ver quão bem seus ovários podem responder aos medicamentos de fertilidade. Isso envolve um exame de sangue para medir os níveis de hormônios (chamados hormônio folículo-estimulante e hormônio anti Mülleriano) ou um ultrassom para contar o número de folículos nos seus ovários.

Verificando suas trompas de falópio

Quando os resultados dos seus exames e do exame de sêmen do seu parceiro forem conhecidos, também será requerido um exame para ver se as suas trompas de falópio estão bloqueadas. Dependendo de suas circunstâncias e histórico médico, isso pode ser feito usando raio-X, ultrassom, ou por uma operação chamada laparoscopia. Antes que você faça esse procedimento, você deverá ser testada para uma infecção chamada clamídia. Clamídia pode danificar suas trompas de falópio se não for diagnosticada e tratada com antibióticos. Se você está infectada, você e o seu parceiro (ou parceiros) devem ser encaminhados para tratamento. Se você não tiver feito exames para clamídia, pode ser que lhe seja dado antibióticos antes do procedimento como uma precaução no caso de você ter a infecção.

Exames que não necessariamente devem ser solicitados

Você normalmente não deve ter os seguintes exames solicitados porque eles não mostraram ser úteis:

  • Exames do seu muco cervical depois da relação sexual (conhecido como teste pós-coital)
  • Um exame de sangue para medir os níveis de um hormônio chamado prolactina
  • Uma biópsia (um procedimento para tomar uma pequena amostra de tecido) do revestimento do seu útero
  • Um exame do seu útero, chamado de histeroscopia (em algumas circunstâncias seu médico pode precisar realizar uma histeroscopia mas será realizada como parte da sua laparoscopia).
exameinfertilidademulherfemininoO que você achou deste conteúdo?:  0 Sem avaliações
Categories: Medicina

Como preservar a fertilidade?

Fertilidade

Como preservar a fertilidade?

A Dra Juliana Amato explica como preservar sua fertilidade para ter filhos quando quiser. Dá dicas de ouro para sua saúde!

---transcrição---

Olá meu nome é Juliana Amato e hoje nós vamos conversar um pouco sobre medidas de como preservar a fertilidade. Eu sei que recebo muitas mensagens perguntando "Dra como que eu posso preservar a minha fertilidade". Não quero ser mãe agora mas, quero ser mãe daqui uns 10 anos... mais velha, mas eu quero fazer algumas coisas que preservem a minha fertilidade. O que é o ideal para você? O ideal é pensar que se até 35 anos  você engravidar você já está preservando sua fertilidade. Abaixo dessa idade. As mulheres têm uma chance maior de engravidar. Depois dos 35 anos essa chance decai porque a reserva ovariana abaixa e abaixa consideravelmente. Então engravidar antes dos 35 anos é uma medida de preservar a sua fertilidade. Pensar na sua alimentação. Alimentação é muito importante não só para fertilidade mas sim para sua vida toda. Para você ter uma qualidade de vida boa, uma fertilidade boa e ter uma longevidade. O que é comer bem? Evitar os industrializados evitar os enlatados evitar farinha para evitar o açucar.  dê preferência aos alimentos: as farinhas orgânicas, aos carboidratos complexos, as proteínas tanto animal quanto vegetal; não importa se você é vegetariano ou se você não é, mas comer o mais natural possível. Evitar o uso abusivo de bebidas alcoólicas. Quem não gosta de tomar um vinho de final de semana uma cerveja com os amigos. Mas que não se torne um hábito de todos os dias. 
Proibido não é, mas com moderação ao evitar a ingestão de muito café. Evitar o cigarro. O tabagismo sim: existem estudos mostrando que a nicotina diminui a motilidade dos espermatozoides além de diminuir a motilidade de cílios das tubas uterinas das mulheres. Evitar o máximo possível. A prática de exercícios diários é muito importante também. Além de você manter o seu corpo ativo.. A sua atividade cardiovascular você mantenha o seu bem estar e evita doenças. A prática de sexo seguro de se proteger durante as relações sexuais. Principalmente contra as doenças sexualmente transmissíveis porque a gente sabe muito bem que pode gerar uma infertilidade. Doenças infecções como a gonorreia têm voltado na atualidade e é comprovado a causa de infertilidade em mulheres. O ideal é sempre o uso da camisinha. Sempre manter seus exames em dia e a cada sintoma  diferente procurar o seu médico. Para a mulher a ginecologista e o homem urologista. Se você curtiu o nosso vídeo e se inscreva no canal. Deixe seu like. Deixe seu comentário aqui abaixo. Ae ative Sininho de notificação para receber novos videos.

-~-~~-~~~-~~-~-
Video novo! não perca! "Diferença entre fertilização in vitro e inseminação intra uterina. FIV vs IIU." 
https://www.youtube.com/watch?v=DJn4YvcUnco
-~-~~-~~~-~~-~-

amatotvvídeofertilidadepreservação
Categories: Medicina

Pages

Subscribe to Orientação Médica - Perder Peso aggregator